PARA INFORMAÇÕES

escoladeformacaoocds@gmail.com

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

HOMENAGEM PÓSTUMA - AGRADECIMENTOS AO IRMÃO E MESTRE DENEVAL



Nestes dias de oração pela saúde do nosso irmão, Frei Deneval... ao mesmo tempo que rezava por sua recuperação, agradecia a Deus por tê-lo conhecido, e dele ter aprendido tantas riquezas do nosso Carisma - tendo sido sua aluna em dois Módulos da Escola Edith Stein.

"Teresa e João da Cruz tratam da Humanidade de forma diferente do que se escrevia no seu tempo. Frases de suporte que Teresa partiu para escrever MORADAS. "A Alma tem a imagem e semelhança de Deus. Mas ela é um Jardim. Beleza que a alma exerce sobre Deus." Ela busca a imagem nas obras sapienciais. (João 14) Muito diferentes do que se escrevia. (...) Deus nos criou com sua Imagem e Semelhança. Deus é Amor. Fomos criados para amar. A função e a razão para qual fomos criados. Viver em comunhão com Ele. (...) Assim também Teresa, saiu ao encontro com o Amado. E também João da Cruz. (...) Nossa vocação única e divina: Participar em plenitude da Vida de Deus Trino. Há uma distância entre o artista e a arte. Da mesma forma do Criador com a Criatura. Mas, é Ele que nos possibilita isso." (Frei Deneval. Aula Magna de São João da Cruz. 23.07.2017)

Após a aula com ele, desejava que tantos outros o ouvisse, e dele aprendesse as tais belezas ditas com tamanha docilidade. Como aprendi a amá-lo, através da Escola!

Ecoam em meus ouvidos a docilidade e mansidão, a firmeza e certeza das suas palavras em cada aula, em cada partilha.

Impressionante! Por anotar todas as aulas, sempre percebi impressas nas palavras dele a profundidade de sua alma, que como flecha marcavam e faziam arder meu coração, especialmente, neste último módulo, quando ele falava de  São João da Cruz.

Sem qualquer esforço, saiam de sua boca, não palavras teóricas, mas sim palavras de experiência, de quem já havia experimentado o que falava...

Sou grata a Deus, sou grata à Escola Edith Stein... por ter me permitido saborear o ensino de São João da Cruz, através do Frei Deneval.

Não digo isto devido ao quadro supremo que vivemos nestes dias, não. Digo, porque testemunhei aos irmãos de meu grupo - do Grupo São José - às irmãs no Carmelo São José (Petrópolis) e à minha família, logo que voltei da escola.

Palavras de crescimento, palavras de fechamento de lacunas de toda a minha literatura sanjoanista, contemplada também, pelas comparações teresianas feitas por ele.

Impressionante como Frei Deneval me marcou na Escola. Amei a todos. Mas, foi ele o grande marco da Escola na minha vida doutrinal e espiritual - análise pessoal feita há tempos por mim.

Completo dizendo que acredito que hoje ele esteja rezando e cantando às "Misericórdia do Senhor!". E que, ele esteja agradecendo a oportunidade de viver as purificações para si, e para nós pobres pecadores, neste longo período de sua enfermidade, devido à sua grandíssima intimidade com o Deus da Vida, que se antecipava experimentar neste mundo, entre noites e suas diversas místicas espirituais.

Estamos unidos ao nosso irmão, neste dia, celebrando a Nossa Doutora e Florzinha do Carmelo, preparando a Solenidade da Santa Madre, com a Virgem Maria, neste mês do Rosário (e Ano Mariano). Separados apenas por um até breve!

Esteja em paz, meu irmão!
                                   

                                               Estela Márcia da Paz
                                                     Grupo São José

Nenhum comentário:

Postar um comentário